12.9.10

Fuxicos

21 comentários
Fim de semana gostoso, tranquilo e vagaroso, ao lado do namorado. Quer coisa melhor? Enquanto não trago novidades da reforma (não, ela ainda não acabou!), vou inventando fofurices para a casinha nova.


Ainda não sei bem o que fazer com esses fuxicos, só sei que vão para a cozinha. A Rosângela, do blog "O essencial para viver", fez peças lindíssimas com os fuxiquinhos dela, o que acabou me inspirando. Estou apaixonada por essa combinação de cores aí de cima. E o melhor é que combinarão perfeitamente com a cor da parede de entrada! :-)

Se tiverem sugestões bem fofas de aplicação dos meus fuxicos, podem me enviar que serão muito bem-vindas, ok?

Beijos em todas as bochechas e uma linda semana para todas nós!

1.9.10

Quaaaase acabando

11 comentários
Oi meninas! Vim atualizar vocês das novidades lá na obra. Separei por assunto para ninguém se perder, rs...


A novela do gesso

Eu já sabia que gesseiro tem fama de ser enrolado. Mas fomos tão bem atendidos pelo nosso fornecedor que chegamos a pensar que estávamos a salvo. Ledo engano... O cara nos enrolou por duas semanas, a obra chegou a parar por conta disso e tivemos até que dispensar os pedreiros por alguns dias. Fiquei brava, viu? Depender dos outros é uma coisa triste mesmo.

Depois de várias tentativas de falar com o gesseiro (que sumiu no mundo), ele finalmente nos atendeu e deu uma desculpa esfarrapada dizendo que não poderia fazer o trabalho, mas indicou um colega “muito competente”. Resultado: o novo gesseiro foi lá em casa, olhou, olhou, custou a entender o projeto e nos passou um orçamento três vezes maior que o orçamento anterior! Quase caí dura para trás! A casa estava perigando ficar sem teto de gesso. Lá em casa o gesso é uma necessidade (e não um luxo), pois existem canos e fios passando no teto.

Enfim, voltamos a ligar para o primeiro gesseiro, falamos do orçamento altíssimo e ele disse que ia resolver. Depois de muitas idas e vindas, ele mesmo resolveu fazer o serviço. Assim, passamos o sábado inteiro por conta disso. Nem posso reclamar muito, porque o serviço em si foi rápido (começou e terminou no sábado) e muito bem feito.

Gesso no banheiro. É um roda-teto bem simples, só para dar um charme.


Linha de sombra na sala de jantar. Chique de doer! rs...

Infelizmente a obra vai atrasar uma semaninha para acabar, pois precisamos esperar o gesso secar para poder emassá-lo e pintá-lo. Faz parte, né? Enquanto isso vamos adiantando o nosso segundo assunto.


A chegada das bancadas de granito

Eu contei que ganhamos as bancadas de granito de presente? Não??? Pois é, foi um baita presentão. Estávamos muito ansiosos para colocá-las no lugar, pois elas serviriam para delimitar os espaços que antes eram apenas ambientes vazios.

De início, escolhemos o Branco Itaúnas para o banheiro (eu queria um granito bem clarinho, que não ofuscasse as lindas pastilhinhas) e o Preto São Gabriel para a cozinha e a lavanderia. Depois, pensando melhor, decidimos usar o Branco Itaúnas em todas as bancadas: além de facilitar a vida do dono da marmoraria (que nos deu o presente), também não correríamos o risco da bancada da cozinha ficar “cheguei” demais. Isso porque, como quebramos a parede que separava a cozinha da sala, talvez uma bancada escura chamasse muita atenção.

Meu sogrinho querido nos fez o enorme favor de ir à marmoraria escolher a pedra (obrigada por tudo, sogrinho!), e fomos alertados que as manchinhas vermelhas do granito Branco Itaúnas viram manchas de ferrugem com o tempo, e que o mais indicado seria usar o Branco Siena para áreas molhadas (como as bancadas). Olha aí a diferença entre eles:

Branco Siena

Branco Itaúnas

Bem parecidos, né? Acatamos a sugestão e trocamos na hora. Fica aí a dica para quem está pensando em usar esse granito em suas bancadas ou outras áreas molhadas. Agora, vamos às fotos (de celular, para variar...):

Bancada da cozinha em "L". Aff, morri!

Bancada da lavanderia

Bancada e meia-parede de granito do banheiro. Olha as pastilhinhas aí, gente!

Lindonas, né? Ainda falta terminar alguma coisa. E ficaram enormes (elas têm 65cm de profundidade, enquanto o padrão é 55cm).

Por enquanto é isso. Semana que vem é a última semana de obra (se Deus quiser!), e aí vocês já vão descobrir qual será a cor da parede de entrada. Aguardem e confiem...

 
PageRank